Clipping

Jornal O Estado de Minas - 09/12/2011

http://www.divirta-se.uai.com.br/html/sessao_16/2011/12/09/ficha_drops_noticia/id_sessao=16&id_noticia=47335/ficha_drops_noticia.shtml

Vai dar o que falar: Rodrigo Carvalhedo, escritor

Izabela Linke - Ragga

  aumentar fonte diminuir fonte imprimir
Sempre se disse por aí que todo mundo tem que plantar uma árvore, ter um filho e escrever um livro. Aos 17 anos, Rodrigo Carvalhedo pode garantir que pelo menos uma dessas coisas ele já fez. Com seu primeiro livro sendo lançado, o jovem autor maranhense embarca numa caminhada rumo ao sucesso.

Rodrigo aprendeu a ler com um livro do Rei Leão e sempre gostou de escrever. O gosto pelas histórias da Disney mostrou a ele o mundo da fantasia, que acabou virando seu gênero preferido de literatura, junto com a ficção. Aos 7 anos, chegou a escrever uma série de histórias infantis chamada Monstroc. Mas foi só aos 14, no meio de uma aula de biologia, que Rodrigo teve a ideia para o livro Gemeologia, o dilema, o primeiro de uma trilogia. “Gemeologia é mais ficção. A fantasia vai entrar mais nos outros livros”, diz Rodrigo, que já está escrevendo o segundo da série.

“Meu sonho desde criança é ser escritor”, conta. Mesmo assim, o adolescente não deixou a faculdade de lado. Cursando engenharia civil na Universidade Federal do Ceará, em Fortaleza, Rodrigo divide seu tempo entre os estudos, os amigos e os livros. Seu autor favorito – e inspiração para o seu livro – é o inglês Roger Ellory.

Gemeologia, o dilema: Editora Baraúna //417 páginas /


Gemeologia - O Dilema - Todos os direitos reservados 2011